Disciplinas Obrigatórias

  1. Fundamentos interdisciplinares em ciência, tecnologia e agriculturas (2 créditos): Epistemologia e ciência; categorias de epistemologia; principais correntes da epistemologia. Bases conceituais do pluralismo tecnológico no desenvolvimento agrário e rural; sócio-construtivismo, ciência e tecnologia; conhecimentos, práticas e adequação sociotécnica (estudo das formas de controle da circulação do conhecimento científico e tecnológico entre a base popular da pirâmide social); pesquisas e tecnologias como fenômenos globais societários (além de produtivo-econômico) no complexo agrofamiliar e na sociobiodiversidade; estudo da interatividade entre mudança técnica e organização do trabalho sob a multifuncionalidade no campo, considerando a educação e a capacitação para o pluralismo tecnológico e a politecnia do/as trabalhadores/as; estudo da tecnociência no sistema agroindustrial brasileiro, e em especial no Centro-Oeste e Amazônia, identificando sua lógica e potencialidades e debilidades.
  2. Metodologia de pesquisa ambiental e agrária (2 créditos): Noções gerais de ciência; definição de teoria, empiria e suas relações. Os métodos científicos: método hipotético-dedutivo, método indutivo, método dialético; mito do método, lógica em uso e lógica reconstruída, a construção do objeto; métodos das ciências sociais e naturais. As técnicas científicas: noções de técnicas quantitativas e qualitativas em pesquisa ambiental e agrárias. A pesquisa e a metodologia científica, conceitos básicos: o tema de pesquisa, a construção do objeto, problema de pesquisa, hipóteses, dados primários e secundários, elaboração de projeto de pesquisa (noções preliminares e estrutura geral); coleta de dados; organização e sistematização de dados; análise e interpretação de dados; estrutura do trabalho científico; normas técnicas para os trabalhos acadêmicos.
  3. Seminários de elaboração de projetos e de dissertação (4 créditos): Acompanhamento, análise e discussão coletiva dos processos individuais de elaboração do projeto de tese, privilegiando a construção teórico-metodológica e a elaboração das diferentes etapas da pesquisa. A disciplina tem como principal objetivo gerar um espaço de reflexão sistemática sobre os projetos, orientando o(a)s estudantes para a preparação do documento final a ser apresentado e defendido de acordo com as normas do curso. Desenho de pesquisa e construção do objeto; tipos de pesquisa em ciências naturais e humanas; uso e análise de técnicas quantitativas e qualitativas em pesquisa; coleta e análise de dados primários; construção e estrutura de projeto de pesquisa; como elaborar o projeto; construção do objeto e elaboração da dissertação (técnicas da ABNT).