O

curso de graduação em Gestão do Agronegócio da Universidade de Brasília foi criado para suprir o mercado com profissionais especialmente adaptados à problemática que envolve os atores do Sistema Agroindustrial na produção e transformação de alimentos e matérias-primas.

O sistema agroindustrial (SAI) pode ser visto como um conjunto de seis grupos de atores econômicos diferentes: agricultura e pesca, indústrias agroalimentares, distribuição agrícola e alimentar, consumidor final, comércio internacional, indústria e serviços de apoio.

Neste sentido, o curso adota uma ótica sistêmica e procura formar profissionais capazes de atuar nos três grandes macro-segmentos que formam as cadeias de produção agroindustriais: produção de matéria-prima, transformação e distribuição. Esta lógica pressupõe que a busca por um sistema de produção alimentar eficiente passa necessariamente pela integração harmoniosa destes três segmentos produtivos.

PPP do curso diurno 

O currículo adotado procura espelhar a visão que norteou a criação deste curso, ou seja, uma abordagem sistêmica da problemática referente à oferta de produtos agroindustriais. Neste sentido, sua análise permite identificar disciplinas relacionadas com os três macro-segmentos das cadeias de produção agroindustriais: produção de matérias-primas, transformação e distribuição.

A grade curricular foi elaborada baseando-se na combinação de disciplinas dos cursos de Administração, Economia e Engenharia de Produção, com o objetivo de trazer ao mesmo tempo um conhecimento amplo e sólido, nas áreas de Gestão, Aspectos Econômicos e em Processos e Operações aplicadas no agronegócio.

Dessa maneira, as disciplinas foram divididas em três grupos de conteúdo:

1- Conteúdos de Formação Básica: estudos relacionados com as Ciências Sociais, a Economia e a Administração;
2- Conteúdos de Formação Profissional, compreendendo tópicos da gestão, da economia e da engenharia de produção aplicados a todos os segmentos da cadeia agroindustrial. Aqui podem ser destacadas disciplinas do tipo: Sistemas de Produção de Matérias-Primas Vegetais e Animais, Tecnologia de Produtos Agroindustriais, Gestão da Empresa Rural, Economia Agroindustrial, Políticas Públicas, Sistemas Agroindustriais, Marketing no Agronegócio, Transporte e Logística Agroindustrial, entre outras;
3- Conteúdos de Formação Complementar, compreendendo estudos quantitativos e temas relacionados à problemática do agronegócio, e aplicação de tecnologias que contribuam para a definição e utilização de estratégias e procedimentos inerentes ao agronegócio. As disciplinas que abrangem esses conteúdos são: Administração Financeira, Agronegócio e Desenvolvimento Regional, Gestão da Cadeia de Suprimentos, Mercados Futuros e de Opções Agropecuárias, Territorialidade no Agronegócio, Sociologia, entre outras.

O curso tem duração de 4 anos ou 8 semestres.

Fluxograma

O profissional formado pelo curso receberá o diploma de “Bacharel em Gestão do Agronegócio”. O egresso do curso de Gestão do Agronegócio da Faculdade UnB Planaltina deve ter capacidade de abstração, raciocínio sistêmico, experimentação e colaboração.

Este profissional deve desenvolver os seguintes atributos:

1- elevado grau de motivação;
2- capacidade de pensar de forma independente (aprender a aprender);
3- sólida compreensão dos fundamentos da área profissional em que é formado;
4- capacidade de comunicação.

O campo de atuação é amplo. O bacharel em Gestão do Agronegócio pode atuar em:

– Projetos Agroindustriais;
– Política Agrícola;
– Planejamento do desenvolvimento rural e regional;
– Mercados agroindustriais;
– Logística das cadeias de suprimento;
– Pesquisas agroindustriais;
– Projetos de organização social e econômica de agricultores familiares;

Para isso, ele necessita de conhecimentos relacionados com:

– Gestão da produção
– Sistemas de Informações
– Logística
– Marketing
– Gestão de pessoas
– Planejamento estratégico
– Análise econômico-financeira
– Gestão da Tecnologia
– Processos de desenvolvimento
– Elaboração e gestão de projetos